domingo, 9 de janeiro de 2011

AMIGOS DO BABAU DA PARAÍBA


Caros amigos e amigas,

Antes de tudo queremos agradecer a todos aqueles que de uma forma ou de outra, nos ajudaram a ajudar essas figuras maravilhosas.

Com certeza, esta corrente de força e energia positiva ajudou a proporcionar um fim de ano menos sofrido para esses grandes Mestres da cultura paraibana.

Os recursos arrecadados no período de 23 a 28 de dezembro de 2010 foram:

Conta Poupança: R$ 1.600,00 (Extrato da conta em anexo)

Doações diretas: R$ 1.000,00

Total: R$ 2.600,00

A visita aos Mestres dias 27 e 28 de dezembro

Para levar os recursos até a casa dos Mestres, percorremos um total de 500 km, entre as cidades de Mari, S. José dos Ramos, Mogeiro, Guarabira, Bananeiras e Lagoa de Dentro.

Primeira parada – Mari-PB.

No dia 27 fomos à cidade de Mari para visitar o queridíssimo Mestre Miro, que está se recuperando de um AVC. Estiveram conosco durante a viagem o bonequeiro Chico e Simões e Clara Nugoli do grupo Mamulengo Presepada da cidade de Brasília-DF. O trabalho de ajuda aos mestres foi além da entrega dos recursos arrecadados. Estivemos reunidos com o Manoel Batista, Diretor de Cultura do Município para tentar estabelecer compromissos, por parte do poder público, não só em caráter assistencial, mas em relação a manutenção direta das atividades do Mestre Miro.

Amanda, Manoel Batista, Chico Simões e Artur em Reunião

Na casa do Mestre foi aquela festa, Miro ficou muito emocionado, pois por coincidência, no mesmo dia da nossa visita, Miro recebera as visitas dos Bonequeiros Clóvis e Clébio da cidade de Guarabira.

A boa notícia é que o Mestre Miro está se recuperando bem do AVC, que graças a Deus quase não deixou muitas seqüelas, ele já está andando sem ajuda da bengala e logo logo estará de volta ao oficio (vamos ficar de olho nele).

Mari também é terra do Grande Mestre Antônio do Babau, que influenciou o trabalho de vários bonequeiros em todo Brasil.

Recursos destinado ao Mestre Miro: R$ 600,00 (seiscentos reais)

Contato do Mestre: (83) 9179-9211

Segunda parada – S. José dos Ramos

Saindo de Mari, após muita poeira em estradas terra batida, passando pela pequena cidade de Caldas Brandão, chegamos ao povoado de São José dos Ramos onde mora o Mestre Inaldo.

O Mestre Inaldo é daquelas figuras que realmente só vendo de perto para saber que existe. A humildade e a inocência são as principais características deste brincante.

Os recursos chegaram em boa hora para essa família.

Recursos destinados ao Mestre Inaldo: R$ 600,00 (seiscentos reais)

Contato do Mestre: (83) 9903-7481

Terceira parada – Mogeiro

Aproveitando a proximidade da cidade de Mogeiro, fomos visitar o Mestre Paulo ou Paulo do Boi, como é mais conhecido na região. Para nossa felicidade o Mestre está bem de saúde.

A Secretária de Educação do Município de Mogeiro, Sra Mônica de Fátima, tem mostrado bastante interesse em ajudar o Mestre Paulo em suas atividades, seja com seus bonecos, seja com seu “Boi de Reis” que é brincado no período de carnaval.


Não houve recursos destinados a esse Mestre.

Contato do Mestre: (83) 8124-6979

Quarta parada – Guarabira

Chegamos a Guarabira na noite do dia 27 e já no dia seguinte pela manhã fomos visitar o Mestre Luiz do Babau. De todos os Mestres visitados, Seu Luiz é que mais nos preocupa. A diabetes e uma doença “difícil” de ser controlada quando o paciente não possui cuidados com a alimentação. Mas difícil ainda quando, no caso deste Mestre, não se pode escolher o que comer... A situação é bem complicada.

Os irmãos Bonequeiros Clébio e Clóvis, que moram próximos a ele, estão prestando apoio e solidariedade e se prontificaram a fornecer informações diárias sobre o estado de saúde dele. Segundo os irmãos, Seu Luiz do Babau está visitando o posto de Saúde da região e está sendo medicado, o problema é que nem todos os medicamentos que ele necessita, são disponibilizados pelo SUS.

Mas algo belo floresce em sua humilde casa. A pequena Vitória, filha do Mestre Luiz, está completando 4 meses. Pense numa coisa fofa! Com certeza esse velho bonequeiro se sente mais vivo à medida que ela cresce.

Amanda, Clébio, Bilú e Vitória, Seu Luiz do Babau, Chico Simões e Artur

Recursos destinado ao Mestre Luiz do Babau: R$ 700,00 (setecentos reais)

Contato com o Mestre: (83) 8806-3880 (Através de Clébio)

Quinta parada – Bananeiras

A penúltima cidade a ser visitada foi Bananeiras. Fomos visitar o Mestre Marísio, também conhecido como “Maestro”, esse é um dos Mestres Bonequerios da Paraíba que merecem destaque. Sua força, garra e paixão verdadeira por sua arte, faz dele um exemplo a ser seguido. Seu filho Geraldo, também conhecido como “Cheiroso”, é hoje uma grande promessa para o Babau paraibano.

Não houve recursos destinados a esse Mestre.

Contato do Mestre: (83) 9604-0351 / 9919-7124

Sexta e última parada – Lagoa de Dentro

Durante todo trabalho de pesquisa de campo e visitas aos bonequeiros da Paraíba, um dos bonequeiros que mais nos chamou atenção foi o Mestre Nildo. Seu jeito extremamente tímido e de poucas palavras (o danado quase não fala), nos deixou curioso para saber como seria a sua brincadeira, pois como se diz aqui na Paraíba “Bonequeiro é um bicho que fala pelos cotovelos”. Mas, para nossa surpresa, durante sua apresentação pública para registro audiovisual, dentro do Processo de o Registro do Teatro de Bonecos popular como Patrimônio Imaterial do Brasil - Iphan, o cara se soltou e botou para fora uma brincadeira pra lá de gostosa.

Mas Nildo está sem empanada e suas condições financeiras não permitem que ele possa investir em uma estrutura básica e segundo ele, isso tem atrapalhado muito o ritmo de suas apresentações, pois nem sempre é possível adaptar os espaços para suas apresentações.

Por isso, resolvemos que em vez de lhe dar uma contribuição financeira, nós iremos construir uma tenda (empanada) novinha e lhe dar de presente no dia do seu aniversário, dia 15 de Janeiro de 2011. O Chico Simões nos emprestou o modelo básico de sua empanada, fizemos pequenas adaptações e já começamos a construí-la. Dia 14 ou 15 estaremos indo levar.

Ainda temos em caixa cerca de R$ 590,00 que dará para construir a tenda e ir deixar em Lagoa de Dentro, na volta mandaremos notícias.

Até breve!

Artur Leonardo

CIA BOCA DE CENA

(83) 9974-7059

8892-5350

3225-4938

Nenhum comentário: